quinta-feira, 4 de março de 2010

Hoje completa um ano de Ronaldo pelo Timão !

Poucos acreditavam que daria certo. Mas há exatamente um ano, Ronaldo iniciava nova volta por cima em sua carreira. O jogo? Apenas um detalhe. Naquele dia 4 de março, no estádio Juscelino Kubitschek, em Itumbiara, no interior de Goiás, os holofotes estavam todos concentrados na estreia do atacante pelo Corinthians.

Por conta de uma séria lesão no joelho esquerdo, pelo Milan, havia um ano e 20 dias que o Fenômeno não entrava oficialmente em campo. E por pouco ele não consegue entrar, tamanha a euforia e o assédio daqueles que estavam dentro do gramado. Para chegar ao banco de reservas naquele dia foi preciso um esquema de segurança.

De lá para cá, o Fenômeno, que renovou contrato até dezembro de 2011,  vem fazendo sua história no Timão. Em 42 partidas com a camisa corintiana, marcou 24 gols. Conquistou a Copa do Brasil e o Campeonato Paulista. Mas nem tudo foi boa notícia. Teve de superar problemas como o da fratura na mão, em partida contra o Palmeiras, em 26 julho de 2009, pelo Brasileirão, após choque com o volante Souza. A contusão o obrigou a fazer cirurgia para correção. Ainda aproveitou e se submeteu a uma lipoaspiração para perder quilos, e desfalcou o time por quase dois meses. E viu a seleção brasileira ficar mais distante, e, consequentemente, a Copa do Mundo na África do Sul. Sem ser chamado por Dunga, pediu recentemente que deixem o treinador em paz com as cobranças.


A estreia

Ah, o jogo. Com gols de Chicão e André Santos, o Timão venceu o Itumbiara por 2 a 0 e passou à segunda fase da Copa do Brasil sem necessitar da partida de volta, em São Paulo. Mais tarde, o Corinthians faria a final com o Inter, e seria campeão. Mas voltemos ao episódio da estreia do camisa 9 pelo Alvinegro.

A comoção foi tanta naquele dia, que todos os seus passos foram acompanhados de perto durante todo o dia. Quando ele foi chamado pelo técnico Mano Menezes para entrar na vaga de Jorge Henrique, então, a torcida, maioria do Itumbiara, ficou eufórica. Porém, Ronaldo permaneceu apenas 27 minutos em campo.

Fez algumas boas jogadas, mas nenhuma que levasse real perigo de gol. Até porque seu físico à época não estava dos melhores. Ali, no entanto, era apenas o início de um primeiro semestre brilhante de Ronaldo e do Corinthians. Mais tarde, além da Copa do Brasil, o clube conquistaria também o Campeonato Paulista. De maneira invicta.

O Fenômeno, aliás, não demorou a marcar seu primeiro gol com a camisa alvinegra. Foi logo na partida seguinte, contra o Palmeiras, no estádio Eduardo José Farah, em Presidente Prudente. Naquela partida,  Ronaldo e outros jogadores do Timão contribuíram para a queda de parte do alambrado na comemoração.

Até agora, o Fenômeno fez 42 partidas com a camisa do Timão, marcando 24 gols. Recentemente, o jogador anunciou que renovou contrato até dezembro de 2011.

1 comentários:

Leonardo Resende disse...

Um ano. passou rápido!

Ronaldo foi uma bela tacada da diretoria do Timão!

Visite também o Rio Futebol, se puder!

Grande abraço,

Leonardo Resende
Rio Futebol
http://riofutebol.blogspot.com
adm.riofutebol@gmail.com

Postar um comentário